Suaveolens

Este blog foi criado por um cearense apaixonado por plantas medicinais e por sua terra natal. O título Suaveolens é uma homenagem a Hyptis suaveolens uma planta medicinal e cheirosa chamada Bamburral no Ceará, e Hortelã do Mato em Brasília. Consultora Técnica: VANESSA DA SILVA MATTOS

Minha foto
Nome:
Local: Brasília, Distrito Federal, Brazil

Cearense, nascido em Fortaleza, no Ceará. Criado em Ipueiras, no mesmo estado até os oito anos. Foi universitário de agronomia em Fortaleza e em Recife. Formou-se em Pernambuco, na Universidade Rural. Obteve o título de Mestre em Microbiologia dos Solos pelo Instituto de Micologia da Universidade Federal de Pernambuco. Também obteve o Mestrado e o Doutorado em Fitopatologia pela Universidade de Brasília. Atualmente é pesquisador colaborador da Faculdade de Agronomia e Medicina Veterinária da Universidade de Brasília.

23.12.09

CRÔNICA NATALINA

Por
Bérgson Frota
.
Naquele natal a criança maltrapilha voltava pra casa.
As ruas cheias de crianças com os pais, fazia despontar naquele coração órfão um pouco de inveja.
Sua vida era catar papéis e ajudar com isso a avó e dois irmãos menores.
Das lojas que passava vinham de longe hinos natalinos e de fora o som das buzinas com carros de luzes altas faziam-no lembrar o casebre escondido no morro e quase na total escuridão.
Na sua caminhada de volta passou por uma bela árvore de enfeite montada numa nas inúmeras praças da cidade, a árvore era cheia de presentes e vários turistas tiravam fotos daquela bela armação que parecia tão verdadeira.
O menino nunca foi disso, mas de tão encantado, num átimo, usando uma pequena faca cortou quatro embrulhos que faziam vez de presentes, queria dar pelo menos em ilusão um presente a si , aos irmão e a avó.
Tanto maltratados naquele natal estes enfeites que ao tirar e colocar no carrinho sequer foi incomodado.
Chegando em casa foi aquela correria, por ilusão os irmãos corrreram para os embrulhos, só a avó, como se suspeitasse ficou no seu canto quieta.
A vida revela em suas inúmeras páginas milagres a se perder. Pois como encanto dos três pacotes abertos tinham caros presentes, no quarto, àquele que seria o da avó, um grande bolo.
No céu lá distante piscava uma tímida estrela igual as outras, mas sua terna luz se vista melhor pudesse ser, descia direto do céu às telhas quebradas e gastas da casa do menino pobre, fazendo a alegria reinar no pobre lar naquela noite especial.
______________________________________
Bérgson Frota, escritor, contista e cronista, é formado em Direito (UNIFOR), Filosofia-Licenciatura (UECE) e Especialista em Metodologia do Ensino Médio e Fundamental (UVA), tem colaborado com os jornais O Povo e Diário do Nordeste, desenvolvendo um trabalho por ele descrito de resgate da memória cultural e produzindo artigos de relevância atual.

4 Comentários:

Blogger Jean Kleber Mattos disse...

VOTOS DE FELIZ NATAL AOS NOSSOS LEITORES COM A PRESENTE CRÔNICA DO NOSSO ESTIMADO COLABORADOR BÉRGSON FROTA. GRANDE ABRAÇO A TODOS.

23.12.09  
Anonymous Lurdinha disse...

Amei meu querido Bérgson. Parabéns.

23.12.09  
Anonymous Pedro Ailton disse...

Um lindo trabalho amigo.

27.12.09  
Anonymous Semong Kid disse...

Gostei muito da história, principalmente o final. Parabéns.

29.12.09  

Postar um comentário

Assinar Postar comentários [Atom]

Links para esta postagem:

Criar um link

<< Página inicial