Suaveolens

Este blog foi criado por um cearense apaixonado por plantas medicinais e por sua terra natal. O título Suaveolens é uma homenagem a Hyptis suaveolens uma planta medicinal e cheirosa chamada Bamburral no Ceará, e Hortelã do Mato em Brasília. Consultora Técnica: VANESSA DA SILVA MATTOS

Minha foto
Nome:
Local: Brasília, Distrito Federal, Brazil

Cearense, nascido em Fortaleza, no Ceará. Criado em Ipueiras, no mesmo estado até os oito anos. Foi universitário de agronomia em Fortaleza e em Recife. Formou-se em Pernambuco, na Universidade Rural. Obteve o título de Mestre em Microbiologia dos Solos pelo Instituto de Micologia da Universidade Federal de Pernambuco. Também obteve o Mestrado e o Doutorado em Fitopatologia pela Universidade de Brasília. Atualmente é pesquisador colaborador da Faculdade de Agronomia e Medicina Veterinária da Universidade de Brasília.

1.9.09

O ANIVERSÁRIO DE COSTA MATOS


NOTA DO BLOG:
Amanhã, 2 de setembro de 2009, fazem 82 anos que o poeta Costa Matos nasceu em Ipueiras, no Ceará. O blog Suaveolens presta-lhe reverência mediante versos que a poetisa Dalinha Catunda fez em sua homenagem quando ele ainda estava entre nós. Eis o recado de Dalinha para mim:
_________________________
Olá Jean,

Estou lhe enviando um poema que há tempos fiz para o poeta Costa Matos.
Ele tomou conhecimento do poema pois mandei para ele ao ser feito.
Recebi de Costa Matos dois livros e duas dedicatórias que guardo como relíquia. Uma delas diz o seguinte:
"Para Dalinha,uma ipueirense que é suprema representante do espírito de minha terra.Um abraço cordial do Costa Matos.Fort. 09-07-2008"
As palavras de Costa Matos não só me envaidecem como aumentam minha responsabilidade como representante de minha terra.
Dia 02 de setembro, se vivo estivesse ele faria 82 anos. Esta é minha homenagem ao nosso poeta que se foi, mas deixou seu nome muito bem escrito na história.
Um abraço,
Dalinha
_________________________________

NO REINO DE UM POETA

Dalinha Catunda

Lendo, atenta, seus versos,
Confesso, me imaginei,
Vivendo num mundo encantado
Onde o poeta era rei.

Senti-me então, concebendo,
Uma nova ilusão.
Viajando em seus versos,
Embalei meu coração.

No embalo e na magia,
Senti a penetração
De versos que fogem aos olhos
E se apossam do coração.

A trajetória de um poeta,
Ao um mundo melhor nos conduz.
Inspirada em seus versos,
A este poema dei luz
______________________________

Não podiam faltar aqui os versos do próprio poeta em seu estilo inconfundível.
.
PRESSÁGIOS

Costa Matos¹

Como foi bela e sábia a vida que tivemos!
Lições em tudo… em tudo… em tudo… até nas brigas
havia água e semente e terra e sol e espigas,
pra nossa fome de entender tudo o que vemos

neste mundo de Deus. As coisas mais antigas
vividas por nós dois mostravam que os extremos
são somas, em nós dois, dos anseios supremos
de socorrer quem tomba ao peso das fadigas.

Era nosso o destino altíssimo de ver,
era nossa a ambição do topo das montanhas,
sabíamos o dia antes de alvorecer…

A tanta luz chegaste, a tanta fé subi,
chegamos a ser bons e a perfeições tamanhas,
que ainda estou a pensar que nunca te perdi…
________________________________
¹José Costa Matos
* Ipueiras, CE. – 2 de Setembro 1927 d.C
+ Fortaleza, CE. – 2 de Março de 2009 d.C
__________________________________
Foto: site pedacosdemim.wordpress.com (céu estrelado)

4 Comentários:

Blogger Jean Kleber Mattos disse...

O poeta Costa Matos permanece entre nós mediante seus belos versos e o sentimento de amizade que trazemos em nosso coração. Desfrutem.

1.9.09  
Blogger Dalinha Catunda disse...

Olá Jean Kleber,

Os poetas mais representativos de Ipueiras hoje habitam outro plano.

Será que nossa terra um dia terá planos para realmente imortaliar estes poetas?

Não seria hora de dar uma moradia terrena a estes poetas, abrigando suas obras, divulgando-as e incentivando os estudantes da cidade a prenderem um pouco mais sobre estes poetas que sempre cantaram a sua terra?

Gerardo Mello Mouão, Costa Matos e Jeremias Catunda, merecem e devem ser lembrados por todos nós.

Costa Matos, onde você estiver feliz aniversário.
Você é nosso grande presente.
Dalinha Catunda

2.9.09  
Anonymous Anônimo disse...

Gostaria de parabenizar o blog pela lembrança, o poeta Costa Matos foi e é para nós um grande ponto de referência pelo seu trabalho,sua vida, sua obra literária e poética. Quis o destino completar também no dia 2 de setembro, um mês do falecimento de meu genitor Jeremias Catunda, lembro-me que o primeiro trabalho de Costa Matos que enviei como homenagem a sua figura tinha o título de "Vida", e é com vida que devemos lembrar nossos escritores e poetas como bem escreveu Dalinha,a vida passa mas aqueles que nos doaram seus versos e prosas se eternizam.

2.9.09  
Anonymous Bérgson Frota disse...

Autor do comentário acima.

2.9.09  

Postar um comentário

Assinar Postar comentários [Atom]

Links para esta postagem:

Criar um link

<< Página inicial