Suaveolens

Este blog foi criado por um cearense apaixonado por plantas medicinais e por sua terra natal. O título Suaveolens é uma homenagem a Hyptis suaveolens uma planta medicinal e cheirosa chamada Bamburral no Ceará, e Hortelã do Mato em Brasília. Consultora Técnica: VANESSA DA SILVA MATTOS

Minha foto
Nome:
Local: Brasília, Distrito Federal, Brazil

Cearense, nascido em Fortaleza, no Ceará. Criado em Ipueiras, no mesmo estado até os oito anos. Foi universitário de agronomia em Fortaleza e em Recife. Formou-se em Pernambuco, na Universidade Rural. Obteve o título de Mestre em Microbiologia dos Solos pelo Instituto de Micologia da Universidade Federal de Pernambuco. Também obteve o Mestrado e o Doutorado em Fitopatologia pela Universidade de Brasília. Atualmente é pesquisador colaborador da Faculdade de Agronomia e Medicina Veterinária da Universidade de Brasília.

21.4.14

ONTEM DE TARDE



Por
Felipe de moraes
(Gonçalo Felipe)

PESSOA NENHUMA AGUENTA
CHAMAR POR QUEM NÃO RESPONDE
NÃO SEI PORQUE SE ESCONDE
E COM MEDO SE APRESENTA.
A SAUDADE LHE REPRESENTA
NESTA TARDE DE SOLIDÃO
QUE EM FORMA DE DRAGÃO
COME UM SENTIMENTO NOBRE
QUE SOFRE, MAS NÃO DESCOBRE
O QUE TEM NO SEU CORAÇÃO.

PENSO NA IMAGEM SUA
CAMINHANDO A LENTOS PASSOS
ME IMAGINO EM SEUS BRAÇOS
NUMA CLARA NOITE DE LUA
ATRAENTE E SEMINUA
LINDA FLOR DO MEU JARDIM
NESTA SOLIDÃO SEM FIM
IMAGINO QUASE DANDO GRITOS
OS SEUS CABELOS BONITOS
CAINDO EM CIMA DE MIM.

HUMILDEMENTE E FRUSTRADO
CHAMEI O SEU NOME ONTEM A TARDE
CHORANDO IGUAL A UM COVARDE
QUE AMA SEM SER AMADO
OLHANDO O CÉU AZULADO
AOS POUCOS SE TRANSFORMANDO
A NOITE SE APROXIMANDO
E MAIS UM DIA SE ENCERRA
VAI FICANDO ESCURA A TERRA
E EU SÓ, EM VOCÊ PENSANDO.

EM RELAMPEJO EU ME VIA
NA MONOTONIA VÁLIDA
POIS, BEIJAVA A FACE PÁLIDA
DA SUA FOTOGRAFIA
ASSIM ENTRE A NOITE E O DIA
EU RECORDAVA O MEU BEM
PORQUE QUANDO A TARDE VEM
É A HORA MAIS AFLITA,
MAIS NEGRA E MAIS ESQUISITA
PARA QUEM RECORDA DE ALGUÉM.

A TARDE PARA QUEM GOSTA
COMO EU, DE VER O SEU VULTO
LHE MANDO ESSE RECADO OCULTO
SEM ESPERAR POR RESPOSTA
POR DENTRO A SAUDADE TOSTA
POR FORA A SAUDADE DIZ:
NINGUÉM QUER SER UM JUIZ
NESSA TREMENDA DISTANCIA
ENTÃO EU FICO PELA ÂNSIA
MARTIRIZADO E INFELIZ .

O PODER DO AMOR AUSENTE,
O BEIJO DE QUEM NÃO VEIO
O DESENCONTRO QUE CREIO
QUE SÓ QUEM AMA É QUEM SENTE
A CHAMA DESTE AMOR LATENTE
QUE QUEIMA SEM PIEDADE
É ESSA SUA CRUELDADE
QUE MATA SEM AMEAÇA
QUE SÓ CONHECE QUEM PASSA
UMA TARDE DE SAUDADE.
*

Foto: Céu de Brasília (Jean Kleber)





Gonçalo Felipe (Felipe de Moraes) é o prestigiado poeta de Nova Russas que nos brinda com poesias sobre nós, sobre Ipueiras, sobre nosso pé de serra, enfim sobre a vida de todos nós.

1 Comentários:

Blogger Jean Kleber disse...

Parabéns, amigo por mais esta bela página!

21.4.14  

Postar um comentário

Assinar Postar comentários [Atom]

Links para esta postagem:

Criar um link

<< Página inicial