Suaveolens

Este blog foi criado por um cearense apaixonado por plantas medicinais e por sua terra natal. O título Suaveolens é uma homenagem a Hyptis suaveolens uma planta medicinal e cheirosa chamada Bamburral no Ceará, e Hortelã do Mato em Brasília. Consultora Técnica: VANESSA DA SILVA MATTOS

Minha foto
Nome:
Local: Brasília, Distrito Federal, Brazil

Cearense, nascido em Fortaleza, no Ceará. Criado em Ipueiras, no mesmo estado até os oito anos. Foi universitário de agronomia em Fortaleza e em Recife. Formou-se em Pernambuco, na Universidade Rural. Obteve o título de Mestre em Microbiologia dos Solos pelo Instituto de Micologia da Universidade Federal de Pernambuco. Também obteve o Mestrado e o Doutorado em Fitopatologia pela Universidade de Brasília. Atualmente é pesquisador colaborador da Faculdade de Agronomia e Medicina Veterinária da Universidade de Brasília.

23.12.15

E eu não sabia o que era o Natal


E eu não sabia o que era o Natal
Por 
Bérgson Frota

Era uma noite brilhante.
As ruas iluminadas.
As crianças sorrindo com presentes, as praças e lojas com árvores de natal piscantes.
As pessoas apressadas e alegres a levar montes de compras.
Os carros rápidos a correr nas pistas outros parados a esperar o sinal abrir, mas também com a mesma gana da pressa.
E músicas tocando sem parar as sempre belas melodias natalinas.
Naquela noite todos se confraternizavam, o espírito natalino era contagiante.
Eu caminhava pelas ruas alheio, como se drogado por preocupações maiores.
Nada tinha, voltava para casa, e lá ficaria a nutrir a esperança de dias melhores.
Desci a rua, que estava toda iluminada.
E percebi em minha casa um movimento maior. Tudo diferente.
Lá todos sorriam, mesa farta, casa cheia de gente.
Estranhei, estava desempregado. Não tinha dinheiro nem presentes para ninguém.
A esposa aproximou-se, e desejou-me um Feliz Natal.
A vizinhança e parentes haviam contribuído para àquela celebração, trouxeram árvore, presentes e a proposta para mim de um bom emprego.
Perguntei-me se aquilo era real.
Por que meu Deus ?
Desconhecedor do real significado da data, não entendia o estranho sentimento que me tomava.
A verdade era que até àquele dia, eu não sabia o que era verdadeiramente o Natal.
                                                                                        
 ***


                           Foto : www.sopapeldeparede.com.br

1 Comentários:

Blogger Jean Kleber disse...

Sensacional !!! Parabéns, amigo ! Bela crônica !

23.12.15  

Postar um comentário

Assinar Postar comentários [Atom]

Links para esta postagem:

Criar um link

<< Página inicial